» Como funciona o Sistema de Vacinação no Reino Unido?

A vacinação é um dos maiores avanços na medicina moderna.

Não existe nenhuma outra intervenção médica que tenha feito mais para salvar vidas e melhorar a qualidade de vida do que a vacinação.

A varíola devastou e matou milhares de pessoas na Europa no século 18. A doença matava cerca de um terço das vítimas e os sobreviventes ficavam com seqüelas desde uma simples cicatriz até mesmo a cegueira. A varíola foi declarada oficialmente eliminada em 1980. Ainda assim continuou causando cerca de 2 milhões de mortes ao redor do mundo.

Na Inglaterra assim como em outros paises temos um livro, Caderneta de Saúde, que registra todas as vacinas que a criança já tomou durante os primeiros anos de vida. Redbook como é conhecido por aqui, também consta a evolução do crescimento da criança e outras informações necessárias para a sua saúde. Você recebe este livro após o nascimento da criança na primeira visita do Health Visitor (Agente de Saúde). No Brasil, normalmente os pais já saem com a Carteirinha de Vacinação da maternidade ou recebe após a primeira vacina no posto de saúde.

No Reino Unido, na fase adulta as vacinas ficam registradas no sistema do NHS, não tendo necessidade de ter uma carteira de vacinação.

Abaixo está uma lista das vacinas que são rotineiramente oferecidas gratuitamente pelo NHS para todos no Reino Unido; e as idades em que deveriam idealmente serem tomadas.

Se você não tem certeza se você ou seu filho tomou todas as suas vacinas de rotina , pergunte ao seu médico ou enfermeiro do GP para descobrir. Pode ser possível “pegar” uma dessas doenças mesmo na fase adulta.

babyVaccine_1592489c

2 meses

*5-em-1 (DTaP / IPV / Hib) este pequeno coquetel contém vacinas para proteger contra cinco doenças distintas: difteria, tétano, coqueluche ou Bordetella pertussis e Bordetella parapertussis, (tosse convulsa), poliomielite e Haemophilus influenza tipo B (Hib, uma infecção bacteriana que pode causar uma pneumonia ou meningite em crianças pequenas)

*Vacina pneumocócica (PCV)

*Vacina contra o rotavírus

3 meses

*5-em-1 (DTaP / IPV / Hib), segunda dose

*Meningite C

*Vacina contra o rotavírus, segunda dose

4 meses

*5-em-1 (DTaP / IPV / Hib), terceira dose

*Vacina pneumocócica (PCV), segunda dose

Entre 12 e 13 meses

*Hib / Men C reforço, dado como uma único dose contendo meningite C (segunda dose) e Hib (quarta dose)

*Sarampo, caxumba e rubéola (MMR).

*Vacina pneumocócica (PCV), terceira dose

2 e 3 anos

*Vacina contra a gripe (anual)

3 anos e 4 meses de idade, ou logo após

*Sarampo, caxumba e rubéola (MMR) , segunda dose

*4-em-1 (DTPa / IPV), reforço na pré-escola, dado como uma única dose contendo as vacinas contra difteria, tétano, coqueluche (tosse convulsa) e poliomielite.

Cerca de 12-13 anos

*Vacina contra o HPV, que protege contra o câncer do colo do útero (apenas meninas) – três doses, dentro de seis meses.

Em torno de 13-18 anos

*3-em-1 (Td / IPV) reforço na adolescência, dado como uma única dose que contém vacinas contra difteria, tétano e poliomielite

Em torno de 13-15 anos

*Meningite C reforço

65 anos e mais

*Gripe (a cada ano)

*Vacina pneumocócica (PPV)

70 anos

*Herpes zoster

Uma infecção viral causada pelo vírus Varicela Zoster (catapora) vírus, mas, ao contrário da varicela, herpes zoster não é contagiosa

FLU-LOGO_341x192

*Vacinas para grupos especiais

Existem algumas vacinas que não são rotineiramente disponível a todos no NHS, mas que estão disponíveis para as pessoas que se enquadram em certos grupos de risco , como mulheres grávidas, pessoas com problemas de saúde crônica e os trabalhadores de saúde.

Estas vacinas extras incluem vacinação contra hepatite B, tuberculose e as vacinas da varicela.

vaccination

 

Vacinas para quem vai viajar

Existem algumas vacinas para quem vai viajar que pode ser gratuitas no NHS. Estes incluem a hepatite A, a  vacina contra a febre tifóide e cólera.

Outras vacinas de viagens, como a vacinação contra a febre amarela, só estão disponíveis em rede particular.

Apoio: Edição e Redação – Estacão Londres

*Fonte: ww.nhs.uk

*Todas as fotos são reproduções